Portugueses de férias com família mas em contacto com amantes

Uma parte dos portugueses que passam férias em família mantém contacto regular com as amantes e gostava de ir com elas passar uns dias ao estrangeiro.

Ilustração

 

Os resultados são de um inquérito num universo específico, o de pessoas com relações poligâmicas, mais especificamente as inscritas no site de encontros Second Love, orientado para quem tem relações regulares mas procura um caso extra-conjugal.

O site, que alega ter 126 mil utilizadores apenas em Portugal, fez um questionário só aos homens procurando conhecer os seus hábitos durante as férias. Destes, 1120 responderam.

45% contam que sonham com umas mini-férias, sem a família, e com a amante, de preferência no estrangeiro. Dizem-se, na maioria, cristãos (54,7%) e torcem pelo Benfica (45%).

Mas enquanto sonham com a hipótese de férias escondidas, 43% não perde o contacto com a sua parceira secundária. As ligações à distância com as amantes são feitas pela aplicação WhatsApp (36%), email (25%), sms (20%) e telemóvel (11%).

Alguns destes homens, durante as férias ‘oficiais’, arranjam ainda tempo para flirtar (36%) ou ter contactos íntimos (13%). Os locais dos flirts e outras infidelidades mais físicas acontecem maioritariamente na praia, na piscina ou noutro local exterior.

O inquérito agora divulgado foi feito ao longo de Junho e Julho.

Descubra também o que dizem os cientistas acerca do porquê das mulheres trairem por motivos diferentes dos homens.

Aumente ainda mais o tesão...

Comentários

Ainda sem comentários. Seja o primeiro!

O que pensa desta história? Deixe o seu comentário.

Arquivo de Histórias